Coronavírus: A limpeza do ar pode impedir a propagação

Dicas de Saúde
11 de janeiro de 2022
Coronavírus: A limpeza do ar pode impedir a propagação

À medida que restaurantes, bares, empresas e escolas reabrem e os requisitos de máscara caem para os totalmente vacinados, algumas pessoas estão se perguntando como atrair clientes e alunos e, ao mesmo tempo, evitar que as infecções por COVID-19 se espalhem. Alguns cientistas e engenheiros estão fazendo pesquisas que podem ajudar a purificar o ar.

Embora nenhuma solução funcione para todos os lugares, os espaços públicos precisam se concentrar em ventilação adequada, filtragem de ar, luzes ultravioleta germicidas e monitoramento da qualidade do ar, em vez de desinfetar superfícies rigorosamente, dizem muitos cientistas que citam evidéncias de que o vírus permaneça no ar.

Os cientistas debateram se o SARS-CoV-2 conta como um vírus transportado pelo ar. Enquanto alguns pesquisadores afirmam que o coronavírus pode ser pego de gotículas de saliva infectadas que caíram nas superfícies, muitos outros argumentam que a possibilidade é mínima. Tocar em uma superfície contaminada tem uma chance de 1 em 10.000 de causar uma infecção, de acordo com os CDC dos EUA. Portanto, a lavagem das mãos e as práticas de limpeza padrão são provavelmente suficientes para eliminar qualquer coronavírus que caia nas superfícies.

Uma grande quantidade de dados agora sugere que o COVID-19 se espalha principalmente através da inalação de finas partículas de aerossol que podem pairar no ar por horas, argumentam os pesquisadores em publicações, evidéncias científicas apoiam a transmissão aérea, e poucos dados favorecem o contato com gotículas ou superfícies contaminadas como a principal forma de disseminação do vírus. Em 30 de abril, a OMS atualizou suas informações de transmissão para reconhecer os aerossóis(gotículas encontradas no ar) como uma fonte de disseminação. Limpar o ar é principalmente uma questão de ventilação e filtração adequadas. O equipamento necessário para fazer essas coisas existe há décadas. A ventilação substitui o ar viciado do interior por ar fresco de fora, o que dilui a concentração de qualquer vírus que esteja presente. Simplesmente circular o ar com ventiladores não é suficiente.

Os filtros HEPA removem com eficácia vírus, pólen, poeira, bactérias e outras partículas do ar.

Fonte: https://www.instagram.com/drbacteriaoficial/

Veja também:

Os médicos recomendam o Rainbow

Limpeza de superfície e purificação de ar: Entenda a diferença

Recuse imitações: O Rainbow é mais eficaz

Mais Fotos

Aguarde